Mercado imobiliário apresenta sinais de recuperação em São Paulo
  • (11) 5053-8700
Mercado imobiliário apresenta sinais de recuperação em São Paulo

Mercado imobiliário apresenta sinais de recuperação em São Paulo

por AB+ em 22 de março de 2019

Considerado um dos motores da economia brasileira, o mercado imobiliário voltou a demonstrar sinais de recuperação no Estado de São Paulo, segundo Indicadores do Registro Imobiliário divulgado pelo Fipe em parceria com a Associação dos Registradores Imobiliários de São Paulo e do Rio de Janeiro.

            No ano passado, a cidade de São Paulo registrou quase 160 mil transferências de imóveis, sendo que mais de 100 mil foram classificadas como compra e venda de imóveis, com crescimento de 13,1% na comparação com o mesmo período de 2017. Em recente reportagem publicada no site infomoney, o conselheiro em negócios imobiliários Ricardo Reis, afirmou que a reforma da Previdência apresentada pelo atual governo e a retomada da confiança do consumidor e do consumo, “o Brasil pode voltar a ser a bola da vez no mercado imobiliário”. 

2018 foi o ano da retomada

            De acordo com dados do Secovi-SP, maior sindicato do mercado imobiliário da América Latina, em 2019, a expectativa para o setor vislumbra estabilidade, tanto em lançamentos como em vendas, mas estima-se um crescimento do VGV (Valor Global de Vendas) em torno de 10%. Segundo dados da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio) apresentados no último dia 20 de fevereiro pelo Secovi-SP, em 2018, os lançamentos na capital paulista totalizaram 32,8 mil unidades residenciais em 2018, volume 4,0% superior às 31,4 mil unidades lançadas em 2017.

            No acumulado de janeiro a dezembro de 2018, as vendas totalizaram 29.929 unidades, um crescimento de 26,7% em comparação ao mesmo período de 2017 (23.629 unidades). Com isso, o resultado de vendas em 2018 foi superior aos volumes de comercialização de 2014, 2015, 2016 e 2017, anos da pior crise econômica atravessada pelo País.

Mercado de loteamentos segue aquecido

            Conforme dados coletados junto a empresas de 55 cidades do Estado de São Paulo, foram lançados no primeiro trimestre de 2018 um total de 3,8 mil lotes residenciais, divididos em 10 loteamentos, representando uma média de 380 lotes por empreendimento, afirma o Secovi-SP. Acumulando os dados em 12 meses, de outubro de 2017 a setembro de 2018, foram lançados 34,1mil lotes, quantidade 27% superior ao acumulado no período anterior (outubro de 2016 a setembro de 2017). O resultado de todos os detalhes do estudo do Mercado de Loteamentos do Estado de São Paulo, referente ao terceiro trimestre de 2018, feito pelo Secovi-SP, em parceria com a Aelo (Associação das Empresas de Loteamento e Desenvolvimento Urbano) e a consultoria da Brain – Bureau de Inteligência Corporativa, pode ser conferido aqui.

© 2020 Ab + Urbanismo. Desenvolvido por Alquati

Altos de Itirapina Empreendimentos Imobiliários SPE LTDA.